Festival Internacional de Capoeiragem realiza visita guiada ao Forte da Capoeira

Festival Internacional de Capoeiragem – evento que acontece até domingo (2), no Forte da Capoeira, no bairro do Santo Antônio Além do Carmo, em Salvador, realizou na tarde desta sexta-feira (31), uma visita guiada ao espaço que é Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade. A atividade teve apoio do Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI), da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA).

Na visita, os participantes puderam conhecer a história do local, que guarda em suas paredes memórias de mestres e praticantes da arte da Capoeira. A visita foi guiada pelo professor e coordenador do Forte, Jaime Nascimento,  que destacou a importância da atividade para que os participantes do festival pudessem entender o que representa o espaço. “Esse é um Museu dedicado a um tema, que é a Capoeira. Temos aqui pessoas de Salvador, de outros estados e países. O Forte que fazia parte de um sistema de defesa de Salvador, hoje defende o patrimônio cultural da Bahia”, disse.

Ana Frings,33, moradora de Dortmund, cidade da Alemanha localizada no estado da Renânia do Norte-Vestfália, acompanhou a visita junto com a filha de 10 meses, Naima Dandara.  “Eu também faço capoeira e essa é uma experiência muito interessante. Salvador é um Museu de Capoeira importante da Bahia. Cheguei em dezembro e domingo volto para Alemanha, mas a história e memória de tudo que vi vou levar comigo”, ressaltou.

Neste dia, o Festival também contou também com Oficina de Capoeira Regional, ministrada pelo Mestre Nenel, Oficia de Percussão “Mãos no Couro”, com o Contramestre Dainho “Xequerê” e Oficina de Maculelê, com a Contramestra Carol Figueiredo. Além de batizado, houve troca de graduações e vivência musical “Causos e Cantigas” com os Mestres Suassua e Gajé.

8ª edição do Festival Internacional de Capoeiragem - iniciada no dia 29 de janeiro - tem entrada gratuita para visitantes. Para participar das experiências, com direito a certificado, é necessário adquirir um dos pacotes, Berimbau, Pandeiro ou Agogô, vendidas no Sympla ou no site www.festivalcapoeiragem.com.br A organização do evento é do Instituto CTE Capoeiragem, que existe há mais de 20 anos, fomentando a educação e cultura através da capoeira, em parceria com o Polo Cultural, apoio institucional do Forte da Capoeira, Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) - Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA) e patrocínio do Governo do Estado da Bahia, por meio da Bahiatursa.

O Forte de Santo Antônio Além do Carmo – O Forte tem uma área de 2.784 metros quadrados. Em 1624 era uma Posição Fortificada que deu combate aos invasores holandeses,  que permaneceram na cidade até 1625. Em 1638 já era uma Bateria Fortificada utilizada no defesa de Salvador contra a tentativa de invasão comandada por Maurício de Nassau. Em 09 de março de 1830 foi cedido a Municipalidade para instalar a Casa de Correção da Cidade de Salvador. José Inácio de Abreu e Lima – o Padre Roma – esteve preso no Forte. Em 1977 a Casa de Detenção foi transferida para a Mata Escura e o forte passou a ter destinação cultural. Em 1997, o Ministério da Cultura e o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural do Estado da Bahia – IPAC - iniciaram novos estudos para a restauração e reativação do Forte. Desde 2006 O Forte de Santo Antônio Além do Carmo – é o Forte da Capoeira abrigando 07 Academias de Capoeira dos mais renomados Mestres Capoeiristas da Bahia.

O Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) é responsável pela execução, proteção e promoção das políticas públicas de valorização e fortalecimento das manifestações populares e de identidade, orientadas de acordo com o pensamento contemporâneo da Unesco e do Ministério da Cultura. Seu campo de atuação contempla a cultura do sertão, de matrizes africanas, ciganas e indígenas, LGBTQI+, infância e idosos. Coordena o projeto Pelô da Bahia, responsável pela programação artística dos largos do Pelourinho e suas grandes festas populares.

Agenda

8ª Edição do Festival Internacional da Capoeiragem
Local: Forte da Capoeira – Santo Antônio Além do Carmo
Data: Até 2 de fevereiro
Atividades: Palestras, aulas, oficinas, vivências na Capoeira

Horários:
Dia - 01/02 – Tour Capoeirístico - 8h30, no Centro Histórico e a partir das 14h no Forte da Capoeira
Dia 02/02 – 3h Romaria dos Capoeiras na Festa de Iemanjá – Concentração no Largo da Mariquita / Rio Vermelho
Informações - www.festivalcapoeiragem.com.br.

Foto: Lucas Rosário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial