Festa de Santa Bárbara reunirá milhares de devotos no Pelourinho


No próximo dia 04 de dezembro, a partir das 8h, todos os caminhos vão levar às ladeiras e largos do Pelourinho, em Salvador, quando milhares de baianos e turistas se encontrarão para celebrar um dos eventos mais populares do estado, a Festa de Santa Bárbara, Patrimônio imaterial da Bahia. A programação é realizada pela Irmandade de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, em parceria com o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac) e o Centro de Culturas Populares e Identitárias da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (CCPI/SecultBA),

Na concentração para o cortejo, no Largo do Pelourinho, será celebrada a Missa Campal, antes dos fiéis continuarem sua caminhada em direção ao 1º Grupamento de Bombeiros Militar, na Barroquinha. Os clarins de Mestre Grimaldo, na sacada do CCPI, saúdam Santa Bárbara durante a cerimônia religiosa.

Para o diretor do CCPI, André Reis, a participação na festa é imprescindível, sobretudo, porque a SecultBA atua fomentando a cultura na Capital e no estado. “O Centro de Culturas Populares e Identitárias tem como responsabilidade o apoio e o incentivo às festividades que retratem a identidade do povo baiano, por isso participa mais uma vez do apoio na realização deste grande ato de fé e religiosidade”.

No turno da tarde, como também é tradição, a programação é seguida por apresentações musicais, que vão até a noite. No Largo do Pelourinho, vão saudar Santa Bárbara o cantor Jorginho Comancheiro, às 15h30, as bandas Tambores e Cores e Samba de Oyá, às 16h e às 19h30, respectivamente, e para encerrar a programação, Gal do Beco, às 20h. O Largo Pedro Archanjo recebe o grupo Pagode da Urna, às 13h, Adonay e Grupo Samba Paraguaçu, às 15h, e o samba do Burungudum, às 17h. Os blocos Samba Fogueirão e Samba Jaké comandam a festa no Largo Tereza Batista, a partir das 16h, com participações de Alan Dudu e Neivaldo do Tchaco. Já o Largo Quincas Berro d’Água recebe o Samba de Nego às 14h e também o ensaio do Bloco Afro Ókánbi, às 17h30. Todos os eventos têm entrada gratuita.

Santa Bárbara - A Santa é reconhecida por proteger seus devotos durante as grandes tempestades. No Candomblé é sincretizada com Iansã. O dia 04 de dezembro é a data simbólica para que os devotos se reúnam e rendam homenagens. Antes, a imagem de Santa Bárbara ficava no Morgado de Santa Bárbara, no pé da Ladeira da Montanha. Depois do incêndio, ela foi transferida para a Igreja do Corpo Santo. Hoje, ela está na Igreja da Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, no Largo do Pelourinho, e de lá que saem os cortejos. Na tradição católica, um trovão soou e um relâmpago caiu na hora da sua morte. Padroeira dos bombeiros e dos mercados, que costumam distribuir carurus nesta data, a celebração a Santa Bárbara é feita há mais de 300 anos, sendo uma manifestação predominantemente popular. Para as religiões afro-brasileiras, Iansã é um dos mais conhecidos orixás. Também chamada de Oyá, é a deusa do Rio Níger, um dos maiores da África. Iansã costuma ser saudada pelos trovões.
O Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI) da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) é responsável pela execução, proteção e promoção das políticas públicas de valorização e fortalecimento das manifestações populares e de identidade, orientadas de acordo com o pensamento contemporâneo da Unesco e do Ministério da Cultura. Seu campo de atuação contempla a cultura do sertão, de matrizes africanas, ciganas e indígenas, LGBTQ+, infância e idosos. Coordena o projeto Pelô da Bahia, responsável pela programação artística dos largos do Pelourinho e suas grandes festas populares.

Programação - Festa de Santa Bárbara

Missa Campal - Realização: Igreja Rosário dos Pretos
Quando: 04/12, às 8h
Onde: Largo do Pelourinho
Gratuito

Clarins do Mestre Grimaldo
Quando: 04/12, às 8h
Onde: Largo do Pelourinho - Sacadas do Centro de Culturas Populares e Identitárias
Gratuito

Jorginho Comancheiro
Quando: 04/12, 14h às 15h30
Onde: Largo do Pelourinho
Gratuito

Tambores e Cores
Quando: 04/12, 16h às 17h30
Onde: Largo do Pelourinho
Gratuito

Samba de Oyá
Quando: 04/12, 18h às 19h30
Onde: Largo do Pelourinho
Gratuito

Gal do Beco
Quando: 04/12, 20h às 21h30
Onde: Largo do Pelourinho
Gratuito

Pagode da Urna
Quando: 04/12, 13h às 14h30
Onde: Largo Pedro Archanjo
Gratuito

Adonay e Grupo Samba Paraguaçu
Quando: 04/12, 15h às 16h30
Onde: Largo Pedro Archanjo
Gratuito

Burungundum
Quando: 04/12, 17h às 21h
Onde: Largo Pedro Archanjo
Gratuito

Ensaio dos Blocos/Samba Fogueirão/ Samba Jaké
Participação: Alan Dudu/ Neivaldo do Tchaco
Quando: 04/12, 16h às 21h
Onde: Largo Tereza Batista
Gratuito

Bloco Afro Ókánbi – ‘Ensaio Carnaval 2020'
Quando: 04/12, 17h30 às 21h
Onde: Largo Quincas Berro D’água
Gratuito

Samba de Nego
Quando: 04/12, 14h às 17h
Onde: Largo Quincas Berro D’água

Gratuito

Secult-BA
Foto Rosilda Cruz

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial