Afro Fashion Day faz homenagem aos blocos Olodum, Filhos de Gandhy, Malê Debalê, Ilê Aiyê, Muzenza e Cortejo Afro.


Reconhecido como o maior evento de moda negra do país, a 5ª edição do Afro Fashion Day (AFD) acontece no próximo dia 30 de novembro, a partir das 16h, na praça do Terreiro de Jesus – Pelourinho, em Salvador, Bahia. O evento reforça seu compromisso com o mês em que se intensificam as ações afirmativas pela Consciência Negra e com a identidade baiana. Na passarela, 64 modelos negros vão mostrar seu talento desfilando as criações de 47 marcas, estilistas e designers de acessórios de todo o estado baiano. Com o tema "Blocos Afro", o AFD 2019 faz uma homenagem às entidades, exaltando a beleza das estamparias criadas pelo Olodum, Filhos de Gandhy, Malê Debalê, Ilê Aiyê, Muzenza e Cortejo Afro.

Com classificação livre e acesso gratuito para o público, a programação do evento já começa desde às 14h com atividades no Espaço Kids com o Clubinho da Tia Lalala, comandado por Najara Black, e uma edição especial da Feira da Sé, trazendo como novidade o conceito de "see now, buy now" (veja agora, compre já) com diversas marcas comercializando suas criações.

Ao longo de 2019, as marcas de moda participantes do desfile receberam cortes de tecidos de antigas fantasias e com eles criaram peças que trazem um novo significado. Das 47 marcas, 34 são relativas a roupas, enquanto 13 assinam o style dos acessórios. São elas: Abanto; Adriana Meira; Ateliê 2; Ateliê Casa Linda; Black Atitude; Boutique Negralá; By Aninha Acessórios; Closet Clothing; Com Amor, Dora; Costa Ribeiro; Crioula; Cynd Biquínis; Fagner Bispo, Goya Lopes; Incid; Jeferson Ribeiro; João Damapejú; Katuka Africanidades; Kelba Varjão Deluxe; La Abuela; Lú Samarato; Maria Coruja Ateliê; Meninos Rei; Mônica Anjos; NBlack; Negrif; Outerelas; Porto de Biquíni; Preta Brasil; Rey Vilas Boas; Silverino Ojú; Sonbrille; Sou Diva - tábompravocê?; Soudam; Soul Dila; Turbanque e Ziê, além das nove estreantes no evento: Cantuai; ColabZona; Filipe Dias; CP2P; Jeanne Gubert; o francês Marc Bell; MB Conceito; Realeza; Regina Navarro Bella Oyá e Wari.

O casting é formado por 15 agências baianas: Agência Raí Silva; Bi Produções; Focus Moda; Home Model; Jovens Periféricos; Lea Mattos; Mega Model; Model Club Agency; One Models Bahia; PJT Models; Seven Two; The Agent; The Agent Model Bahia; Vivaldo Marques e Xtreme Model. E por seis modelos selecionados entre os 996 que disputaram as vagas nas seletivas de bairro: Nicolas Ribeiro, Luís Eduardo Rocha, Antônio Carlos Lima, Thainá Monteiro, Ingrid Ramos e Rute Batista. Todo time conta com a curadoria do produtor de moda Fagner Bispo, direção artística de Gil Alves e beleza do desfile de Dino Neto e equipe.

“O AFD vem para reafirmar a posição de evento afirmativo que exalta a beleza de ser negro, pondo sob os holofotes um time incrível de modelos e marcas que em 2019 vão prestar uma linda homenagem aos Blocos Afro de Salvador! Ouso dizer que será a edição mais icônica do evento, ainda mais tendo o Centro Histórico da cidade como cenário, lugar que dialoga com a essência do Afro, fazendo do fashion show uma experiência emocionante e memorável”, afirma Fagner Bispo.

Desde a 1ª edição, em 2015, mais de 250 modelos já passaram pelo Afro Fashion Day, revelando nomes para a moda nacional e internacional, a exemplo de Ana Flávia, Gabriel Pitta, Lucas Evangelista e, mais recentemente, Josana Santos. “Estamos celebrando a cultura negra com a ajuda de quem luta para fomentá-la todos os dias, queremos trazer pra passarela todo o orgulho e exuberância da nossa herança africana”, explica a jornalista Gabriela Cruz, curadora do AFD desde o início do projeto.

O Afro Fashion Day é uma realização do jornal Correio, com o patrocínio do Salvador Shopping, apoio institucional da Saltur, Vem Pro Centro, Pelourinho Dia & Noite e Prefeitura Municipal de Salvador, apoio Instituto ACM e Salvador Bahia Airport e parceria Sebrae, Melissa, Vizzano e Imaginarte.

Reda

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial