Feira do Livro reúne jornalistas escritores em Mesa de Conversa


As duas faces de uma mesma moeda, atividades inerentes à palavra que se complementam e se confundem, a escrita entre o real e o ficcional. O que objetivam os escritores e os profissionais de comunicação? Tais questões vão pautar a roda de conversa “A relação entre a comunicação e a produção literária”, programada para o dia 27 de setembro (sexta-feira), às 16h, no Auditório Julieta Carteado, dentro da programação da Feira do Livro 2019.

O encontro, promovido pela Assessoria de Comunicação da Universidade Estadual de Feira de Santana (Ascom/Uefs) reúne os escritores e jornalistas Kátia Borges, Ricardo Ishmael e Assis Freitas. Ricardo Ishmael, autor de “O curioso destino de Rita Quebra-Cama e outros contos” (Editora Solisluna, 2017), trabalha desde 2001 na Rede Bahia, afiliada à Rede Globo, como apresentador do telejornal Jornal da Manhã, além de repórter e editor. Também foi aluno do curso de Licenciatura em História da Uefs.

O jornalista, poeta e escritor Assis Freitas atua na Ascom/Uefs. Três livros de contos publicados: O Mapa da Cidade (1998), O Ulisses no supermercado (2009) e “O ano que Fidel foi excomungado” (2012); dois de poesia “Poemas de urgência para súbitos desalinhos” (2012), “Há um poema morto na sala” (2016); e o romance “A última travessia com a bela do ray-ban” (2015).

A escritora, jornalista e professora Kátia Borges é colunista do Jornal Correio e curadora da 9ª edição da Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica). Publicou os livros de poesia “De volta à caixa de abelhas” (2002, Selo As Letras da Bahia), “Uma Balada para Janis” (2010, Edições P55), “Ticket Zen” (2011, Escrituras), “São Selvagem” (P55, 2014), “Escorpião Amarelo” (2012, Edições P55) e “O exercício da distração (Penalux, 2017).

Aos participantes da atividade será entregue certificado de 4 horas.




Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial